sábado, 18 de novembro de 2017

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Possível explicação da lembrança da XI Romaria



Desde a altura em que tinha pensado na lembrança referente à X Romaria Quaresmal e que com a graça de Deus tinha-a tornado realidade, comecei a pensar na desta XI Romaria e no seu simbolismo subjacente, isto é, uma lembrança para ser lembrança (passo a redundância) sinto que tem que ter algum simbolismo, tal como todas as anteriores.
Depois de algum tempo para amadurecimento da ideia, conforme costuma dizer o meu piedoso irmão Contra-Mestre Adalberto Couto e com a sua aprovação, passamos à parte pratica, ou seja, juntar todos os elementos que vieram a culminar na lembrança constante na foto.

Começando pela base, a mesma é feita de barro, relembrando-nos que nós somos o barro e Ele é o oleiro1. As medidas pensadas e executadas foram as de 12 x 7 x 0,3, sendo que as mesmas têm uma conotação bíblica, tendo em conta o tempo litúrgico, nomeadamente o Tempo da Quaresma. Assim o numero 12, representa os doze apóstolos2, mais propriamente na última ceia. Quando o numero 7, o mesmo representa as últimas sete palavras (frases) de Jesus Cristo3. Já o 0,3, tirando o 0, representa a Sagrada Família, Aquela que cremos que caminha convosco em romaria.
A pedra preta representa a noite escura4 aquando do último suspiro de Jesus Cristo.
Quanto à Cruz, esta foi elaborada com madeira de Oliveira, representando assim, a Sua ida ao horto das oliveiras para orar5, antes do derradeiro momento.
A fita de cor roxa é símbolo de dor e penitência, representando também uma profunda interiorização num tempo de penitência, conversão, jejum e oração, assim o tempo litúrgico, mais propriamente a Quaresma.
A Coroa de Espinhos, leva-nos ao momento em que os soldados romanos Lhe a puserem e O escarneceram por ser o Rei dos Judeus6.
Por último, mas não menos importante temos a placa colocada por cima da Sua cabeça, conforme descrita 7 na Bíblia Sagrada.

1 - Is - 64:8; Jb 33:6 e Jb 10:9
2 - https://pt.wikipedia.org/wiki/Ap%C3%B3stolo#Os_doze
3 - https://blog.cancaonova.com/felipeaquino/2012/12/04/as-sete-palavras-de-cristo-na-cruz/
4 - Lc 23, 44-45
5 - Lc 22, 39-46
6 - Mt 27,29
7 - Jo 19, 19-20

terça-feira, 24 de outubro de 2017

Reunião de romeiros mensal (outubro de 2017)

Informam-se todos os irmãos que no próximo dia 25 do corrente mês, pelas 20:00, no centro de catequeses do Santuário de Nossa Senhora da Conceição, localizado na Rua do Cruzeiro, irá ocorrer o encontro mensal com o seguinte esquema:
Tema para reflexão
Meditação matutina do Papa Francisco no dia 20 de setembro de 2016 "Vidas pela metade”- Apresentação e explanação a cargo do irmão Padre Dolores, seguindo-se de um período de diálogo fraterno entre todos os presentes sobre o tema.

Outros assuntos de interesse para o rancho
(…)

Mais se informa de que, este encontro também está aberta a todos aqueles que pretendam sair connosco na próxima romaria.

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

Reunião de romeiros mensal (setembro de 2017)

Tema para reflexão
"Vim para os gentios”- Apresentação e explanação a cargo do irmão Padre Dolores, seguindo-se de um período de diálogo fraterno entre todos os presentes sobre o tema.

Outros assuntos de interesse para o rancho
 (…)

Mais se informa de que, este encontro também está aberta a todos aqueles que pretendam sair connosco na próxima romaria.

domingo, 23 de abril de 2017

Encontro de romeiros mensal (abril de 2017)

Informam-se todos os irmãos que no próximo dia 26 do corrente mês, pelas 20:00, no centro de catequeses do Santuário de Nossa Senhora da Conceição, localizado na Rua do Cruzeiro, irá ocorrer o encontro mensal com o seguinte esquema:
Tema para reflexão
“Entre Memória e Esperança “- Apresentação e explanação a cargo do irmão Padre Pedro Lima, seguindo-se de um período de diálogo fraterno entre todos os presentes sobre o tema.

Outros assuntos de interesse para o rancho
 (…)

Mais se informa de que, este encontro também está aberta a todos aqueles que pretendam sair connosco na próxima romaria.

sábado, 15 de abril de 2017

Procissão do Senhor Morto na Sé

Dois momentos na Procissão do Senhor Morto na Sé. Os possíveis, atendendo a que muitos tinham também as cerimónias nas suas freguesias, mas mesmo assim não deixamos de honrar o compromisso assumido.



quinta-feira, 13 de abril de 2017

Mensagem de Páscoa


Páscoa é Ressurreição!
Que esta não seja apenas o almoço em família ou os ovos de chocolate para as crianças.
Que não seja também a tristeza daqueles que irão estar sozinhos ou dos que não poderão comemorar.
Que não seja igualmente daqueles que estão doentes e sem esperanças.
Que no domingo de Páscoa (ou Ressurreição) todos tenham a capacidade de entender o verdadeiro sentido da Páscoa.
Que em cada um de nós, seja renovada a fé, a esperança e a capacidade de recomeçar, de perdoar e de respeitar o próximo.
Uma Santa Páscoa são os sinceros votos dos responsáveis do rancho.

Paulo Roldão
(um irmão romeiro, como os demais)

sexta-feira, 7 de abril de 2017

O SENHOR É CLEMENTE E COMPASSIVO

Deus é clemente e compassivo e porquê?
À cerca de 35/40 anos sempre que via na RTP-Açores ou escutava na Radio Difusão Açores, de que se estava a iniciar mais um ciclo, em que os Romeiros da Ilha de São Miguel, iam pôr pernas ao caminho para mais uma jornada de penitência Quaresmal, achava que essa manifestação piedosa era uma expressão terceiro-mundista da nossa Igreja.
Passados estes cerca de 40 anos concluo, que o Senhor foi de uma paciência, clemência e compassividade para comigo sem precedentes pois, hoje tenho como é bom de ver uma opinião bem contrária. Ele sabia que passados todos estes anos eu iria reconhecer a minha pequenez e a sua grandeza, pois como diz o Salmo: Ele conhece-me desde sempre, mesmo quando estava no ventre da minha mãe e sabia (salvaguardadas as distâncias) que como aconteceu com São Paulo a caminho de Damasco, eu iria também cair do meu “burro ”
Já participei ao longo de todos estes anos em inúmeros movimentos paroquiais, diocesanos, e nacionais que me foram enriquecendo ao longo do tempo mas o Movimento dos Romeiros é a cereja sobre o bolo.
Porque será que depois de uma “estafa” dura, de cinco dias em redor da nossa Ilha com sonos apressados que não repõem o cansaço do dia anterior, do Sol inclemente, chuva, granizo, refeições fora de horas o Romeiro depois de terminada a Romaria sente uma alegria indescritível e passa a chamar Irmão ao seu próximo sem nenhum constrangimento ou respeito humano?
Porque durante estes 5 dias sentiu-se como nunca junto de Jesus e que alegria estar junto de Jesus e sua Mãe…
Somos assíduos na oração, na fração do Pão e partilhamos os bens que transportamos no coração e na “cevadeira” como nos relata o livro dos Atos dos Apóstolos.
As nossas vestes aos olhos do mundo originam “galhofa” por onde passamos outras vezes “escárnio e blasfémia” mas nada nos atinge porque levamos o Senhor por companhia e que companhia.
É meu entendimento que a experiência da Romaria nos aproxima do que eram as primitivas e genuínas comunidades cristãs daí a nossa satisfação, alegria, contentamento, por vivermos esta experiência divina.
Irmão João Dinis

quarta-feira, 29 de março de 2017


Não somos anjos, profetas, apóstolos ou santos. Somos somente pecadores e peregrinos que deixamos tudo para segui-lO nestes dias mais profundamente. Rezamos por todos os que crêem e também por aqueles que não crêem.
Aqui deixamos o nosso publico agradecimento a todos os irmãos e irmãs, que não tendo romado connosco, contribuíram de outras formas para que a romaria tivesse corrido como correu, e sem esse contributo a romaria não seria a mesma coisa.
Deus vos abençoe...como SEMPRE!

Momento de Fé


Fotografia muito bem conseguida por quem a tirou. O essencial está ali...a FÉ do irmão José Luís é o mais importante do que os restantes irmãos ao seu redor.

Flores para Nossa Senhora - 11 por "mera coincidência"


Alguém quis oferecer este arranjo a Nossa Senhora. 
Rosas do mais belo jardim de Deus. 
Por "alguma coisa" quem as ofereceu, sem se aperceber continham 11, tantas como as romarias do rancho. Estavam previstas para si, sem sombra de duvida.
O rancho agradece.

Rancho da XI Romaria


Pagela da XI Romaria



10º Aniversário


terça-feira, 21 de março de 2017

Convite

Irmão em Cristo,
Apesar de não participares nesta XI romaria, por esta ou aquela razão mas, "uma vez romeiro, sempre romeiro", venho por este meio convidar-te, caso possas, a participar nas celebrações eucarísticas que ocorrerão nos 5 dias da romaria, a saber:
- 4ª Feira dia 22 pelas 04:00 no Santuário de Nossa Senhora da Conceição (inicio da romaria);
- 5ª Feira dia 23, pelas 19:00 na Igreja da Agualva (Nossa Senhora do Guadalupe);
- 6ª Feira dia 24, pelas 19:00 na Igreja do Porto Martins (Santa Margarida);
- Sábado dia 25, pelas 19:00 na Igreja Matriz da Vila de São Sebastião;
- Domingo dia 26, pelas 19:00 no Santuário de Nossa Senhora da Conceição (encerramento da romaria).
Com a humildade que caracteriza um romeiro, basta levares o lenço e terço.

Apesar do convite ser dirigido aos irmãos romeiros, é extensível a todos aqueles que connosco queiram participar nas celebrações eucarísticas acima descritas, em honra e gloria a Deus Nosso Senhor.